O tempo, o arrependimento e a solidão

O-tempo,-o-arrependimento-e-a-solidao-parajuliocantuagria

O arrependimento que sinto
É muito maior
Do que o tempo que tenho
Pela frente pra viver
Afinal, eu já não sou menino
E estou em pedaços de tanto sofrer

E vejo perfeitamente
Os traços do tempo
Através do espelho
Mas nada me doí
Tanto assim
Como a falta que ela me faz

O grande amor
Que sonhei pra mim
Simplesmente se foi
Abrindo mão
Dos planos
Que a gente idealizou

E até hoje
Eu não compreendi a razão
Que fez ela partir
E eu sei bem
Que assim como o tempo
Tem coisas que não voltam mais

Por isso, eu peço a Deus
Que me ajude a esquecer
E que a minha vida não seja
Só sofrer
Por alguém
Que não me quer

Meu Deus
Será que esse é o destino meu?
Por favor!
Humildemente, eu te peço
Que tire esse sentimento
Da minha cabeça

Faça com que o meu
Coração se esqueça dela
Deus coloque um novo amor
No meu caminho
Para me ensinar
Que a vida sempre recomeça

Basta querer
Acreditar e perseverar
Que nenhuma dor
E até mesmo a solidão
Resistirá ao amanhecer
Do olhar de quem quer amar

O tempo, o arrependimento e a solidão
Julio Cantuária