Carnafestejar (simbora)

Se você gosta
De carnaval

Saiba que o exagero
É o que faz mal

Saiba também
Que o respeito

É a resposta
E o diferencial

Para embarcar nesse trem
E curtir em paz

E eu sei
Que você é capaz

Então pule, cante
Dance e vibre

Sem perder a linha
Afinal, esse é o sentido da alegria

Representada nas fantasias
E nas alegorias

Incentivadas pelas letras
Poesia e melodia

Que desfilam e enfeitam
As avenidas

Do Brasil a fora
Então, simbora, simbora

Que chegou a hora
De carnafestejar

Mas, se você não é adepto
Não fique triste

Não se estresse
E também não critique

Aproveite o seu tempo
Fazendo o que lhe diverte

Por que a vida é breve
E logo a gente vira cinzas

E pequenas lembranças
Assim como esse carnaval

Carnafestejar (simbora)
Júlio Cantuária

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.